Inep finalizou agenda de capacitações da CTAA com Subcolegiado de Avaliação de Conduta Ética de Avaliadores

Série de capacitações dos membros da Comissão Técnica de Acompanhamento da Avaliação Superior (CTAA) encerrou-se nesta quinta-feira, 21 de maio, com os membros do Subcolegiado de Avaliação de Conduta Ética de Avaliadores. A comissão é responsável pela análise dos recursos administrativos, previstos no processo de avaliação externa in loco, apresentados por instituições de educação superior e pela Secretaria de Regulação e Supervisão da Educação Superior (Seres) do Ministério da Educação (MEC). Além disso, são examinados recursos contra decisões da Diretoria de Avaliação da Educação Superior (Daes) do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

Cabe ao Subcolegiado de Avaliação de Conduta Ética de Avaliadores deliberar sobre recursos referentes à conduta de avaliadores contra decisões da Coordenação da Avaliação in loco/Daes, responsável pela gestão do Banco de Avaliadores do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (BASis) e do Sistema de Avaliação de Escolas de Governo (Saeg).

Durante a abertura da videoconferência, o presidente do Inep, Alexandre Lopes, ressaltou as peculiaridades do subcolegiado. “A temática da conduta ética é complexa e essencial para o resultado da avaliação”, afirmou Lopes. A iniciativa inédita de capacitar os membros também foi destacada pelo presidente. “A capacitação de todos os integrantes da CTAA, para nivelamento de informações, sinaliza a preocupação que temos com a qualidade dos trabalhos”, observou Lopes.

Os integrantes do subcolegiado capacitado participam da sétima reunião conduzida pela Daes, que coordena a capacitação, por meio de videoconferência, devido ao distanciamento social provocado pela pandemia da COVID-19. A CTAA é presidida pelo titular da Daes, o professor Moaci Carneiro, que sublinhou o vigor institucional da gestão ao empreender a iniciativa diante do contexto excepcional provocado pela pandemia. “A agenda de capacitações propicia à educação superior de nosso país a possibilidade de buscar, incansavelmente, o aprimoramento dos padrões de qualidade”, considerou o diretor.

A CTAA é composta por cinco subcolegiados representantes das áreas temáticas, conforme a Classificação Internacional Normalizada da Educação (Cine Brasil); um Subcolegiado de Avaliação Institucional Externa e um Subcolegiado de Avaliação de Conduta Ética.

Os materiais utilizados nas capacitações são disponibilizados na plataforma virtual Moodle, que mantém um canal para troca de experiências e esclarecimento de dúvidas para os integrantes da CTAA. Já se reuniram os subcolegiados de Negócios, Administração e Direito; de Avaliação Institucional Externa; de Educação e Ciências Naturais, Matemática e Estatística; de Saúde e Bem-Estar e Serviços; de Engenharia, Produção e Construção; de Agricultura, Silvicultura, Pesca e Veterinária; e de Computação, Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC). Na semana passada, os cursos para os subcolegiados temáticos foram concluídos com a participação dos membros das áreas de Artes e Humanidades e Ciências Sociais, Jornalismo e Informação.

CTAA – A Comissão Técnica de Acompanhamento da Avaliação foi instituída em 15 de maio de 2006, pelo MEC. De acordo com a Lei do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior, o objetivo da comissão é julgar recursos administrativos advindos das instituições de educação superior e da Seres, e recursos administrativos contra as decisões da Daes. Os membros são indicados pelo ministro da Educação, com mandato inicial de dois anos.

FONTE: http://portal.inep.gov.br/artigo/-/asset_publisher/B4AQV9zFY7Bv/content/id/6878154