Ministérios da Educação e da Economia firmam parceria para retomada pós-pandemia

Acordo de cooperação técnica contribui para a oferta de educação profissional e tecnológica em aproximação com o setor produtivo

O Ministério da Educação (MEC) firmou hoje (11) um acordo de cooperação técnica com o Ministério da Economia, que tem por objeto a oferta de educação profissional e tecnológica. A parceria integra as ações que vêm sendo estruturadas pelo governo para a retomada econômica pós-pandemia de Covid-19.

Pelo acordo firmado, o Ministério da Economia se tornou uma entidade demandante de cursos da chamada Bolsa Formação, uma iniciativa de apoio do MEC às instituições vinculadas às diversas redes de ensino do país na oferta de vagas gratuitas em cursos de educação profissional técnica de nível médio e cursos de Formação Inicial e Continuada (FIC) ou qualificação profissional, custeando a abertura de vagas. O Ministério da Economia faz a captação de demandas junto ao setor produtivo, que serão utilizadas para estabelecer como será a oferta de cursos de qualificação profissional.

A nova estratégia dialoga com as iniciativas já iniciadas pelo programa Novos Caminhos, para que a oferta de educação profissional e tecnológica seja aderente às demandas reais do mundo do trabalho. Esse critério tem sido utilizado na concepção de cursos ofertados por entidades estaduais e municipais a partir de fomento pelo MEC.

Assessoria de Comunicação Social, com informações da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec) do Ministério da Educação (MEC)

FONTE: https://www.gov.br/mec/pt-br/assuntos/noticias/ministerios-da-educacao-e-da-economia-firmam-parceria-para-retomada-pos-pandemia